5 de julho de 2012

Inteligência Organizacional - Quem falou primeiro?


Muitos textos que tenho lido sobre a Inteligência Organizacional (IO) referem-se à vários autores por seus trabalhos de grande relevância para os estudos do tema. Dentre esses autores, um dos mais citados - dentre os que tive a oportunidade de ler - é Takehiko Matsuda. 

Matsuda iniciou seus trabalhos sobre a IO em 1988. Publicou outros trabalho em sequência em 1989, 1991, 1992, e 1993. Ótimos trabalhos e que nos renderam um modelo com 5 sub-processos (como já citadoaqui), que se utilizados corretamente podem auxiliar as empresas no alcance de vantagens competitivas sobre seus concorrentes.

Porem, o que muitos não sabem é que o termo Inteligência Organizacional não é do Matsuda. Quem utilizou o termo pela primeira vez, inclusive tendo publicado um livro intitulado "Organizational Intelligence: knowledge and policy in government and industry", publicado em 1967 em Nova York, pela Basic Books, foi Harold Wilensky.

Neste livro, Wilensky aponta a necessidade de utilização eficiente e eficaz das informações, tanto internas como externas, por parte das organizações, que vivem em um ambiente em constante transformação. No contexto em que foi escrito, o livro apresentou um panorama da IO diferente do que conhecemos hoje, mais tecnicista e voltado para a competição. Mesmo assim, este foi o marco inicial dos estudos acerca da utilização da IO pelas empresas.

Portanto, quem foi o primeiro pesquisador a falar sobre o tema foi Harold Wilensky.

--

ps: e o livro do Wilensky é ótimo. possui uma visão voltada para a competição e fazendo um comparativo entre indústria, governo e instituições militares. é difícil de ser encontrado (consegui num sebo depois de muita busca), mas vale a pena pra quem quer conhecer mais sobre o assunto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer deixar sua opinião e/ou contribuir com o Blog?

Comente...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...